Descubra agora como a gestão financeira pode impactar sua drogaria!

Sem dúvida, uma situação muito desagradável é quando o lojista não se atenta a gestão financeira de sua drogaria, e acaba se deparando com uma situação desfavorável no fim do mês.

Para contornar esse senário, é preciso ficar atento ao fluxo de caixa e implementar técnicas de gestão financeira! Saiba mais em nosso post.

Fluxo de caixa

Em resumo, o fluxo de caixa controla todas as entradas e saídas financeiras de qualquer empreendimento, e somente com seu acompanhamento, é possível saber a real situação financeira da empresa.

Ao trabalhar com informações corretas, o dono de farmácia consegue fazer uma previsão financeira para os próximos períodos, o que permite antecipar decisões e resolver antecipadamente problemas financeiros que poderiam causar a falência do negócio.

Conheça seus custos antes de precificar seus produtos/serviços!

Se sua drogaria possui uma gestão financeira deficiente, é quase impossível saber com exatidão quais são os custos fixos, variáveis e investimentos. É aí que vem o x da questão: Se você não conhece seus custos, pode estar precificando seus produtos de maneira incorreta, e assim, sua empresa pode estar tendo prejuízos!

Custos fixos: Aluguel, software, salários, internet, água, energia elétrica, entre outros.

Custos variáveis: Despesas com fornecedores, combustível, impostos, comissão, marketing, horas extras, entre outros.

Investimentos: Cursos para a equipe, marketing, equipamentos, entre outros.

Somente com base nesses dados é possível tomar decisões assertivas, e assim, saber quais gastos podem ser cortados sem afetar a qualidade do produto/serviço. Além disso, essa análise permite saber onde se deve investir mais.

Devo ficar atento ao fluxo de caixa diário, semanal ou mensal?

Observar os resultados mensais e semanais é importante, porém, ficar atento ao fluxo de caixa diário é indispensável! Através do fluxo de caixa diário é possível observar de maneira prática e eficiente todas as entradas e saídas da empresa a fim de identificar possíveis “furos” no orçamento, como por exemplo, quando os pagamentos superam os recebimentos.

Isso porque, mesmo que a drogaria lucre no fim do mês, déficits pontuais podem prejudicar o andamento dos negócios, como a falta de capital de giro (dinheiro rápido à disposição) para honrar compromissos ou fazer investimentos.

Em uma gestão financeira eficiente, o fluxo de caixa diário mostra que os recebimentos são maiores do que os pagamentos!Fluxo de caixa: Gestão financeira da drogaria

Evite possíveis “furos”!

Para evitar possíveis “furos” de caixa, saiba precificar seus produtos/serviços, entenda sobre os impostos cobrados, converse com o seu contador, corte as despesas desnecessárias, estude-as, fique atento ao seu fluxo de caixa e negocie com seus fornecedores prazos de acordo com suas vendas, dando tempo para pagar pelas mercadorias, a fim de ganhar mais tempo para efetuar vendas antes de acertar as contas

Venha para o Grupo CB Drogarias!

Sabemos que administrar todos os processos de uma empresa, como as receitas, despesas, clientes e fornecedores é algo desafiador, porém necessário. Venha para o Grupo CB Drogarias e conte com nossos estudos de mercado, técnicas de precificação, suporte/app e muito mais!
Entre em contato conosco. 

Deixe um comentário